O equilíbrio dos diferentes minerais é fundamental para a saúde global do organismo.
Nutrição
Artigo em Discussão
As águas com gás têm algum efeito na função renal?
Gastrenterologia
Artigo em Discussão
Águas mineralmente gasosas no aparelho digestivo
Reumatologia
Artigo em Discussão
Minerais de referência no sistema musculoesquelético
Cardiologia
Artigo em Discussão
As águas minerais aumentam a Pressão Arterial?

Guias para uma Vida Saudável

Bem-vindo(a) ao equilíbrio mineral do organismo.

Planos Nutricionais
Conselhos Associados
Insuficiência de Minerais
Benefícios dos Minerais
Vida Activa

O sódio e a hipertensão

31
Ago
Classifique este artigo
(103votos)

A propósito da recente entrada em vigor de legislação nacional que regulamenta o teor de sal no pão, relembramos a importância desta medida e os seus reflexos positivos que se traduzem em benefícios para a saúde.

Como é sabido, estudos epidemiológicos demonstram que a excessiva ingestão de sal é responsável pelo aumento da pressão arterial e pela prevalência da hipertensão, além de outros efeitos cardiovasculares deletérios (por exemplo, a estimulação da fibrose miocárdica). Embora se registe uma grande variabilidade individual, estudos randomizados e controlados em doentes hipertensos provam que a redução da ingestão de sal — de 10 g diários para cerca de 5 g — permite baixar a tensão arterial cerca de 4 a 6 mmHg.

Este efeito, reforçado por outras medidas dietéticas, nomeadamente o aumento do consumo de frutas e de vegetais e a redução da ingestão de gorduras e de álcool, é mais acentuado na população idosa e de raça negra. De igual modo, os doentes hipertensos, diabéticos e com insuficiência renal crónica beneficiam com a restrição de sal, permitindo mesmo, nalguns casos, uma redução da dose de fármacos anti-hipertensores.

Assim, de acordo com as guidelines para o tratamento da hipertensão arterial, emanadas pelas Sociedades Europeias de Hipertensão e Cardiologia, a estratégia terapêutica começa pela alteração do estilo de vida, do qual a restrição do consumo de sal faz parte. Recomenda-se, por conseguinte, que não se ultrapasse os 5 g diários de NaCl (85 mmoles), sendo o valor ideal 3,8 g de NaCl/dia (65 mmoles).

Não esqueçamos que o  consumo excessivo de sal é uma causa frequente de hipertensão resistente à terapêutica.

1 Comentários

Maria Antónia Vigário
27/09/2010
Seria talvez útil a disponibilização de indicações práticas de preparados hipossalinos, nomeadamente receitas c/ substituição de sal.

Deixe o seu Comentário

Nome
 
E-Mail
   
Comentário