O equilíbrio dos diferentes minerais é fundamental para a saúde global do organismo.
Nutrição
Artigo em Discussão
As águas com gás têm algum efeito na função renal?
Gastrenterologia
Artigo em Discussão
Águas mineralmente gasosas no aparelho digestivo
Reumatologia
Artigo em Discussão
Minerais de referência no sistema musculoesquelético
Cardiologia
Artigo em Discussão
As águas minerais aumentam a Pressão Arterial?

Guias para uma Vida Saudável

Bem-vindo(a) ao equilíbrio mineral do organismo.

Planos Nutricionais
Conselhos Associados
Insuficiência de Minerais
Benefícios dos Minerais
Vida Activa

Os minerais e a saúde cardiovascular na menopausa

22
Nov
Classifique este artigo
(3votos)
Nesta fase da vida, e em particular em casos de menopausa precoce, cresce o potencial risco de doenças cardiovasculares associado a um aumento dos níveis de colesterol e à hipertensão. A diminuição do nível de estrogénio na mulher saudável após a menopausa pode aumentar o risco de doença arterial coronária, como resultado da diminuição dos efeitos positivos do estrogénio no metabolismo lipídico.

Para minimizar este risco, a mulher deve fazer exercício físico e adoptar um regime alimentar saudável.

A reposição de minerais no organismo é essencial para a saúde cardiovascular na menopausa e, por vezes, aconselha-se a toma de suplementos de vitaminas e minerais. Além do cálcio, do magnésio e do fósforo, o sódio deve ser ingerido na medida certa. Estudos recentes têm vindo a demonstrar que o teor mineral de uma água bicarbonatada rica em sódio pode reduzir o risco cardiovascular1 e que águas com elevado teor de magnésio diminuem a mortalidade no enfarte do miocárdio, embora não diminuam a incidência.

Devido às concentrações de potássio e de magnésio, desempenham também um papel importante na prevenção de arritmias.2 A redução dos níveis de aldosterona induzidos por estas águas minerais com alto teor de sódio e bicarbonato está associada a menor risco de hipertensão e de doenças cardiovasculares.3

Esta redução mostra que existe uma relação entre o metabolismo lipídico e a glicose e sugere que a ingestão da água carbonatada com alto teor de sódio estudada pode desempenhar um papel benéfico na prevenção das doenças cardiovasculares e da síndrome metabólica.4

Fontes
- Estudos disponíveis para consulta em Estudos Associados.

1. A sodium-rich carbonated mineral water reduces cardiovascular risk in postmenopausal women. Schoppen S, Pérez-Granados AM, Carbajal A. et al. J Nutr. 2004, 134, 1058-63. (Ver documento traduzido em Estudos Associados.)
2. Drinking Mineral Waters: Biochemical effects and health implications. Albertini MC, Dacha M. Int J Environmental Health. 2007, 1, 1, 153-169
3,4. Sodium-bicarbonated mineral water decreases aldosterone levels without affecting urinary excretion of bone minerals. Schoppen S, Pérez-Granados AM, Carbajal A et al. Int J Food Sci Nutr. Junho de 2007; 59(4):347-55. (Ver documento traduzido em Estudos Associados.)

1 Comentários

ana glasenapp
30/11/2010
Mais uma vez a agua ... muito interessante. Como podemos saber quais as águas que tem estas características ?

Deixe o seu Comentário

Nome
 
E-Mail
   
Comentário