O equilíbrio dos diferentes minerais é fundamental para a saúde global do organismo.
Nutrição
Artigo em Discussão
As águas com gás têm algum efeito na função renal?
Gastrenterologia
Artigo em Discussão
Águas mineralmente gasosas no aparelho digestivo
Reumatologia
Artigo em Discussão
Minerais de referência no sistema musculoesquelético
Cardiologia
Artigo em Discussão
As águas minerais aumentam a Pressão Arterial?

Guias para uma Vida Saudável

Bem-vindo(a) ao equilíbrio mineral do organismo.

Planos Nutricionais
Conselhos Associados
Insuficiência de Minerais
Benefícios dos Minerais
Vida Activa

Águas Minerais Naturais Gasocarbónicas: Nutricionalmente mais vantajosas

04
Jul
Classifique este artigo
(179votos)
As águas com gás não são todas iguais e todas elas têm composições diferentes. As águas minerais naturais têm características físico-químicas estáveis e de pureza microbiológica na origem, podendo provocar efeitos favoráveis à saúde.

Estas águas distinguem-se das outras pela sua pureza original e pela sua composição específica de minerais, oligoelementos ou outros constituintes.

A natureza do processo de gaseificação condiciona o equilíbrio mineral da água e, consequentemente, a sua performance em termos de contributo para o organismo.

As águas “gaseificadas” resultam de uma adição artificial de gás carbónico e, regra geral, têm um valor nutricional negligenciável, pois a manipulação industrial pode tornar a sua composição e equilíbrio demasiado variáveis.

O CO2 artificialmente introduzido tem sido habitualmente associado à erosão dentária, obstipação, influência na absorção do cálcio, entre outras.

Já as águas minerais naturalmente gasosas (em que o gás é 100% natural), como a Água das Pedras, são nutricionalmente mais vantajosas e promovem e estimulam o equilíbrio metabólico, ajudando à regeneração funcional do organismo, tantas vezes afectado pelo stresse da vida moderna.1

A designação “água mineral”, presente no rótulo da Água das Pedras, refere-se a água natural proveniente da profundidade e de composição constante, podendo conter níveis significativos de sais minerais, os quais conferem à água características de um alimento. Estudos científicos demonstram que os sais minerais presentes nestas águas são bem absorvidos pelo organismo, nomeadamente o cálcio e o magnésio.

É isso que lhes confere um equilíbrio mineral e um efeito benéfico, comprovado cientificamente por variados estudos, em áreas tão diversas como a Gastrenterologia, Musculoesquelética, Saúde Cardiovascular, e também a nível da Hidratação e Isotonia, e que não se verifica nas águas em que o CO2 é adicionado artificialmente.

Esta é uma questão fundamental no que diz respeito ao uso terapêutico que as águas minerais naturais gasocarbónicas, como a Água das Pedras, podem ter e que as coloca num patamar diferenciado quando abordamos as questões de saúde.

O magnésio de uma água mineral rica nesse nutriente possui uma elevada biodisponibilidade, a qual melhora quando a água é consumida com uma refeição leve.

A nível musculoesquelético, a Água das Pedras é uma água mineral natural gasocarbónica que apresenta uma capacidade de absorção do cálcio comparável à capacidade de absorção do cálcio do leite2 e fornece grandes quantidades de bicarbonato, que actua como agente impeditivo da descalcificação óssea3 (ao contrário do que se verifica nas outras águas, que pelo seu teor de cloreto podem provocar essa descalcificação).

Complementarmente, por ser bicarbonatada (1983mg/l), o papel que desempenha na absorção lípida pelo organismo, contribui para a melhoria da saúde cardiovascular global em adultos, nomeadamente na redução do risco de hipertensão e na transformação do colesterol em ácidos biliares e a sua eliminação pelo organismo.4

As águas minerais naturais gasocarbónicas têm ainda uma acção sobre o aparelho digestivo, protegendo-o e promovendo a motilidade gástrica, melhorando os sintomas de dispepsia funcional.5

Têm, igualmente, aplicação como terapêutica complementar na Doença de Refluxo Gastro-Esofágico, pelo seu efeito procinético6, e um efeito benéfico em casos de Síndrome do Intestino irritável7 e na obstipação5, uma vez que optimizam o processo de digestão e aceleram o tempo de trânsito cólico, ao mesmo tempo que diminuem a flatulência e a distensão abdominal.7

Esta característica não se verifica noutras águas com gás, em que a carbonatação é feita artificialmente, e que por isso podem causar gases e inchar, momentaneamente, o estômago.

Por isso mesmo, as águas minerais naturais gasocarbónicas, como a Água das Pedras, estão recomendadas durante a gravidez, tendo uma utilidade terapêutica nos problemas digestivos associados à gestação. O mesmo não sucede com as águas reforçadas com gás carbónico, cuja composição não é adequada para latentes e crianças menores de 7 anos.8

De sublinhar ainda que a concentração iónica elevada de sódio e bicarbonato, cálcio e magnésio das águas com as características minerais da Água das Pedras, determinam também um processo de rápida absorção da água pelo organismo, favorecendo uma hidratação optimizada e uma reidratação mais rápida do que qualquer outra água mineralizada.1

Em conclusão, deve ser feita uma distinção entre as diferentes águas com gás no que diz respeito aos benefícios que podem ter para a saúde. As Águas Minerais Gasocarbónicas – cujo gás ocorre naturalmente no aquífero – são raras e requerem uma captação cuidadosa.

Caracterizam-se pela inexistência dos problemas normalmente associados às águas gaseificadas e, podem mesmo ingerir-se na quantidade recomendada de cerca de 1,5 a 2 litros por dia.

1. Drinking Mineral Waters: Biochemical effects and health implications. Albertini MC, Dacha M. Int J Environmental Health. 2007, 1, 1, 153-169.
2. Absorbability and utility of calcium in mineral waters. Heaney RP. Am J Clin Nutr. 2006 Aug;84(2):371-4.
3. Calcium bioavailability from a calcium-rich mineral water, with some observations on method. Bacciottini L, Tanini A et al. J Clin Gastroenterol. 2004 Oct;38(9):761-6.
4. Schoppen S, Perez-Granados AM, Carbajal A, et al. A sodium-rich carbonated mineral water reduces cardiovascular risk in postmenopausal women. J Nutr 2004;134(5):1058-63.
5. Effects of a bicarbonate-alkaline mineral water on gastric functions and functional dyspepsia: a preclinical and clinical study. Bertoni M, Oliveri F, Manghetti M et al. Pharmacological Research, vol 46, 6, Dec 2002, 525-531.
6. Bicarbonate has beneficial effects on health. From the Health Library: Bicarbonate's Importance to Human Health. The Magnesium Web Site Online Library. 2001 May (3)1.
7. Evaluation of thermal water in patients with functional dyspepsia and irritable bowel syndrome accompanying constipation. Gasbarrini G et al. World J Gastroenterol. 2006 Apr 28;12(16):2556-62.
8. Ver recomendação no rótulo da Água com Gás Frize.

0 Comentários

Deixe o seu Comentário

Nome
 
E-Mail
   
Comentário